quinta-feira, 29 de julho de 2010

Começar de novo... O Sonho Não Acabou !

Agora a gente vai poder casar de verdade e para até a próxima vez!
Nada mais gostoso do que começar de novo, uma nova relação e um casamento oficial para aqueles que gostam da instituição cível do casamento. Hoje pode-se tudo, o desprendimento às tradições eva quase à extinção de alguns ritos que são particularmente importantes no propósito de uma pessoa na busca de sua projeção social. Ficou tão fácil "casar", é só "juntar" e tão natural "descasar" que muitos casais já começavam uma relação se preparando para quando esta finda-se. Pra que colocar nome do marido e depois a trabalheira na separação? "Vamos viver juntos um tempo pra ver se da certo... Tudo bem que a liberdade é importante, mas fica tudo muito mais descompromissado e isso acaba afetando a estrutura de uma relação, que começa sem "planos a dois". Uma vida a dois implica em um projeto, em filhos, ainda tem gente quer quer formar uma família, ter filhos, buscar uma segurança numa relação estável.
Nem sempre as coisas acontece como esperadas, a maionese desanda,seja porque era paixão avassaladora e um dia você acorda e num rola mais aquela "liga",você vai conhecendo mais o outro, a intimidade é gritante e você começa a enxergar os pelos encravados fedidos. Além de a vida fazer acontecer o amor de novo, quando menos se espera, algumas vezes existe mesmo uma natural necessidade em "pular a cerca", a rotina mata, as dificuldades cortam o tesão, rola um caso e vive-se por muito tempo esse tipo de situações no paralelo. Hoje tão natural a convivência com a infidelidade, mas ainda é um calo numa relação conjugal, admitindo-se ou não como possibilidade real, a bosta do calo DÓI!  Muita gente convive com a dor da traição, com a culpa desta, com a vida dupla, com a dualidade entre dois amores, mas muita gente sofre em silêncio, se impondo presente à vida de quem não o deseja mais, usa de chantagem com os filhos, com os bens partilhados, com os segredos e fraudes do outro e não fica mais feliz por dificultar a felicidade do outro. Tudo tem seu preço, mas não pode jamais a revanche ser cruel consigo próprio, é burrice.Agora a Lei permite de forma mais simples e rápida, o fim do casamento, o divórcio, num simples ato no Cartório.
Enfim se-pa-ra-dos ! 
Livres pra voar. Ninguém precisa carregar o outro nas costas, mesmo que seja só no papel. O que importa é que agora, qualquer um dos dois pode começar de novo, basta se arrepender, querer o fim, dizer "adeus" de tudo, laços cortados e um novo caminho aberto para ser feliz. Recomeçar é preciso, findar laços rançosos, dependências psicológicas desnecessárias, desfazer elos para dar espaço para si mesmo. É preciso dizer adeus, seja com dor, amor ferido, sentimento de rejeição, abandono,mais vale a possibilidade de recomeçar, a partir de um fim doloroso, do que carregar dor e ressentimento numa relação que não existe mais. Tudo passa e a dor também passa, amamos e des-amamos, chegamos até a odiar, menosprezar e desprezar os sentimentos do outro. Faz parte da vida existe início, meio e fim para tudo.Que bom que podemos sempre dar um novo sentido à nossa vida, seja casando com outro, seja casando consigo mesmo.

4 comentários:

Desabafando disse...

O que não pode é ser infeliz e ficar numa situação que te torna infeliz eternamente né? todos podemos e devemos buscar a felicidade e se isso está nos recomeços porque não?

Eu sou o GOOGLE disse...

Sá, nossos textos foram parecidos, adorei sua explicaçao astrológica.
Concordo muito com vc, mesmo com estas facilidades as pessoas perecem em relaçoes destruidas, sem sexo, sem carinho, so por ter alguem, so pra nao dar o braço a torcer que errou. Umas mulas ... emburradas. Passam a vida do lado de alguem q nada significa alem de alguem com a qual tem intimidade, mas intimidade se cria. na seria a primeira nem ultima pessoa a aceitar vc como vc é. mas as pessoas insistem. Eu quando separei, pensei nisso: estou a tempo insistindo em ser infeliz, ver o outro infeliz, nao...acho que posso dar a chance para os dois serem felizes. Ele nao queria, nao quer ainda, mas eu estou muito tranquila só. Legal seria ter a oportunidade de algo diferente do que tive...prefiro novas experiencias...relacionar com algo diferente do que ja experimentei e sei que nao funciona. Para muito faltam culhoes, nao é?

bjao Sá

Liana disse...

oi...

claro q pode colocar o texto na comunidade. :;

Amiga do Cafa ( Celamar ) disse...

Olá !
Eu adoro recomeçar. A vida é isso. Não deu certo ? Parte para outra. Viver dividido é muito ruim. Ser uma pessoa inteira , é não ser uma pessoa dividida. Ninguém tem que segurar relacionamento que não deu certo. O nosso compromisso é ser feliz. Fazer o outro feliz. E nada mais saudável do que reconhecer a necessidade do recomeço.
Grande semana !
Beijão